Um exemplo de superação e amor ao próximo

Molumbo, 28 de Março de 2019 - Ao tonar- se mobilizador durante a Ronda Zero da campanha de vacinação contra a Pólio e agora vacinador na Ronda 1, Firmino Arlindo, pai de Jemita Firmino, a menina que em Dezembro de 2018 foi diagnosticada pólio, é um dos poucos exemplos de superação do sofrimento que passou depois de tomar conhecimento de que a sua filha tinha pólio.

Jemita Firmino é um dos três casos de Pólio confirmados em crianças não vacinadas na comunidade Sinai, na área do Centro de Saúde de Malua, que dista a 42 quilómetros da sede do Distrito de Molumbo, na Província da Zambézia.

A pólio é uma doença muito contagiosa causada por um microorganismo que ataca o sistema nervoso e que pode provocar paralisia das pernas e dos braços.

Abaixo uma entrevista com o Senhor Firmino:
P: Senhor Firmino o que é que está a fazer neste momento? 
R: “Agora sou vacinador e na Ronda 0 fui mobilizador durante a pré campanha e na fase de implementação”
P: Porque é que decidiu fazer esse trabalho?
R: “Porque vi o sofrimento na minha casa. Eu fui ajudado e senti que também devia ajudar os outros para não ficarem doentes”.
P: Como é que está a sua filha? 
R: “a minha filha está muito bem. Ela brinca, come bem e neste momento está na escola”. 
P: Qual é o apelo que faz à qualquer pessoa que por um motivo ou outro possa estar na situação que o senhor passou?
R: "O meu apelo é que tenham a coragem que eu tive, pois quando uma pessoa afectada fala do seu problema as pessoas escutam e acreditam nas suas palavras. Por isso peço a todos os pais cujos filhos tiveram ou têm pólio para apoiarem activamente as actividades da saúde de  luta contra a doença”. 

Ouvimos também o depoimento do Régulo Marcelino Malua que trabalha directamente com o senhor Firmino. “ O trabalho dele é muito bom. Ele está muito motivado e o resultado do seu trabalho é evidente, pois nas áreas onde ele trabalhou a adesão foi enorme. Eu pessoalmente agradeço o facto de ele ter - se envolvido”. 

Depois da entrevista com o senhor Firmino a equipa foi à escola para ver a menina Jemita. De facto quando viu a viatura branca na companhia das outras crianças correu, pois os meninos pensavam que era uma viatura da saúde que vinha vacinar na escola. Os professores acalmaram as crianças e pediram – nas para regressar. Jemita correu e veio abraçar o pai. Ela brinca com todas as crianças e é muito esperta.

Quisemos ter do professor da Jemita, Mateus Arroz, a sua opinião. 

P: Senhor Professor como é que está a Jemita?

R: A Jemita é minha aluna da 1ª classe. Ela está muito bem, brinca com as outras crianças, é muito esperta, tem vontade para aprender e nunca faltou à escola e gosta de mim.

Para a Administradora do Distrito de Molumbo, Dra. Maria Engrácia Massinga, o governo distrital só tem que dar graças ao envolvimento do senhor Firmino, pois o seu envolvimento encorajou os outros que apesar da sua filha estar naquela situação não era o fim. “ Ele é um trunfo para nós. Vamos continuar a trabalhar com ele noutras intervenções, veio à calhar pois se não fosse a pólio seria uma força viva perdida na comunidade”. 

Para terminar a senhora Administradora manifestou a satisfação e gratidão do Governo pelo estado de saúde da Jemita, pois “o pai aceitou o nosso conselho de levar a criança às autoridades sanitárias e cumpriu com todas as recomendações e aí está o resultado”.  

FIM/
 

Vacinação contra Pólio
Credits
Click image to enlarge
For Additional Information or to Request Interviews, Please contact:
MOREIRA Maria Da Gloria

Health Promotion Officer
Tel: +258 21492733
Email: moreirag [at] who.int