Publications

Primerio Fórum Africano da Saúde da OMS

Primerio Fórum Africano da Saúde da OMS

Introdução: Cumprindo parcialmente a promessa da Directora Regional para a África da Organização Mundial da Saúde de estabelecer parcerias estratégicas e trabalhar com todos os Estados- Membros e parceiros para alcançar o nível mais elevado possível de saúde para as populações de África, o Escritório Regional da OMS para a África organizou o Primeiro Fórum Africano da Saúde em Kigali, no Ruanda, a 27 e 28 de Junho de 2017.

Subordinado ao tema “Colocar as Pessoas em Primeiro Lugar: O Caminho para a Cobertura Universal de Saúde em África”, o Fórum tinha por finalidade explorar as prioridades e os desafios dos serviços de saúde em África e encontrar novas formas de alcançar uma melhor saúde para todos. Os participantes no Fórum incluíram líderes e decisores políticos, promotores de causas, implementadores e parceiros de vários países e com diferentes filiações. O Fórum reuniu algumas das personalidades mais importantes de África - os principais líderes de opinião, decisores políticos e jovens brilhantes - para despertar novas formas de pensar, novas parcerias e novas oportunidades para uma melhor acção e resultados na área da saúde.

Abertura: O Fórum foi oficialmente aberto em nome de Sua Excelência o Presidente Paul Kagame, pelo Primeiro-ministro da República do Ruanda, Sua Excelência o Sr. Anastase Murekezi. O Primeiro-ministro também proferiu a alocução de abertura. Outros dos oradores foram a Directora Regional da OMS para a África, a Dr.ª Matshidiso Moeti e a Ministra da Saúde do Ruanda, a Dr.ª Diane Gashumba. 
 

Publications

Reunião do grupo de acção sobre vigilância integrada da doença e resposta (VIDR), Entebbe, Uganda

Reunião do grupo de acção sobre vigilância integrada da doença e resposta (VIDR), Entebbe, Uganda

Em 1998, o Escritório Regional para África da Organização Mundial da Saúde (OMS/AFRO), na 48ª Reunião do Comité Regional (resolução AFR/RC48/R2), adoptou uma estratégia para desenvolver e implementar sistemas abrangentes e integrados de vigilância e resposta da saúde pública nacional.

Em Outubro de 2000, o Director Regional criou um grupo de acção para fornecer orientação política e estratégica sobre a implementação da Vigilância e Resposta Integrada às Doenças (VIDR) nos Estados Membros. Os membros do Grupo de Acção da VIDR são representantes dos Estados Membros, da OMS e dos parceiros envolvidos na vigilância e resposta às doenças. Entre 2000 e 2005, o secretariado organizou as reuniões anuais do Grupo de Acção IDSR.