Representante da OMS realiza visita de solidariedade a Inhambane

Maputo, 21 de Junho de 2017 - A Representante da Organização Mundial da Saúde (OMS) em Moçambique, Dra Djamila Cabral, efectuou uma visita oficial à província de Inhambane com o objectivo de manifestar a sua solidariedade às vítimas do ciclone tropical Dineo, que afectou severamente seis distritos da Província em Fevereiro deste ano.

As cidades de Inhambane e Maxixe e os distritos de Morrumbene, Massinga, Jangamo, Zavala, Inharrime, Panda, Vilankulo, Funhalouro, Mabote e Homoíne, foram os mais atingidos com mais de 600 mil pessoas afectadas, das quais seis perderam a vida e 57 ficaram feridos. 

O ciclone também provocou danos em infra-estruturas, afectando 106 edifícios públicos, sendo 52 unidades sanitárias e 18 blocos administrativos da saúde, 998 salas de aula, três torres de comunicação, 48 postes de transporte de energia eléctrica, dois sistemas de abastecimento de água e a ponte-cais da Maxixe. 

Como contribuição aos esforços de reabilitação levados a cabo pelo Governo e pelos parceiros, a OMS mobilizou, junto do Fundo Central das Nações Unidas para Resposta à Emergências (CERF), cerca de 200 mil dólares norte- americanos, destinados a reabilitar infra- estruturas sanitárias da Província.

De 12 a 14 de Junho corrente a equipa da OMS deslocou – se ao terreno tendo visitado seis dos 14 distritos afectados nomeadamente Inhambane, Funhalouro, Massinga, Morrumbene, Maxixe, Homoíne, onde se inteirou dos estragos causados pelo ciclone, bem como dos esforços de reabilitação. Também dialogou com as autoridades sanitárias e com os profissionais de saúde afectos nessas estruturas sanitárias. 

Nos Distritos visitados a equipa aproveitou a visita para fazer o seguimento das actividades de reabilitação no sector da saúde, bem como com as autoridades locais analisar os desafios do sector da saúde na fase pós- ciclone. 

Na cidade de Inhambane a Representante da OMS também visitou o centro de formação em enfermagem e foi informada sobre os programas de capacitação para o desenvolvimento dos recursos humanos do centro de formação.

Durante a visita a Dra Djamila, juntamente com os membros da equipa técnica que a acompanhavam, manteve encontros com as autoridades locais com destaque para o Governador da Província, senhor Daniel Chapo, o Director Provincial de Saúde, Dr. Naftal Matusse, o Médico Chefe Provincial, Dr. Stélio Tembe, o Eng. Quinho Monico do Departamento de infra- estruturas na Direcção Provincial de Saúde, o administrador do Distrito da Maxixe, Sr. João Muchine e com os quadros do sector da saúde aos vários níveis.

No final da visita, o Director Provincial da Saúde dirigiu o encontro balanço, onde foram discutidos os objectivos da visita e os seus resultados. Foi igualmente uma ocasião para os responsáveis das áreas de vigilância, malária, PAV e outros programas interagirem com a equipa da OMS sobre como melhorar o desempenho dos diferentes programas, bem como responder as lacunas e os desafios. 

No final a Dra. Djamila reafirmou a disponibilidades da OMS para continuar a apoiar os diferentes programas de saúde e o seu engajamento para apoiar a mobilização de recursos financeiros adicionais para a reabilitação das infra-estruturas.

FIM.

 


Para informações adicionais, por favor, queira contactar: Rua Pereira Marinho, 280 . C.P. 377. Maputo,  Tel (258) 21 49 27 32/21492165, Fax (258 ) 21  49 19 90,  e-mail : afwcomz [at] who.int

Click image to enlarge